5 exercícios simples que evitam a trombose

Dicas que podem ser praticadas dentro de casa ou durante longas viagens.

banner
Foto: Fort George G. Meade

Em parecia com Eu Planejo 360º

O que é trombose?
Mais conhecida pelos especialistas como trombose venosa profunda, é uma doença causada pela formação de coágulos dentro de alguma das veias profundas do corpo, assim impedindo o fluxo normal do sangue. Dependendo do caso pode se tornar extremamente perigosa, pois os coágulos podem chegar até outros órgãos se deslocando pela corrente sanguínea, causando outras doenças como a embolia pulmonar.

Veja também Embolia pulmonar: saiba como se prevenir 

Quais podem ser os sintomas?
Os mais comuns podem ser: aumento da sensibilidade na região afetada, dores, inchaço, calor, machas na pele e veias salientes.
A trombose também pode não apresentar sintomas e só ser percebida sua gravidade quando já estiver alojada em outros órgãos, por isso é preciso ficar sempre de olho e trabalhar na sua prevenção.

E como posso me prevenir?
Os médicos acreditam que períodos prolongados de imobilidade são fatores de risco para o desenvolvimento da trombose, que ocorre na maioria das vezes na perna. Por isso, para prevenir a doença é recomendado fazer caminhadas regularmente, já que essa atividade auxilia no fluxo do sangue, e evitar os 3 vilões formadores de coágulo: cigarro, sedentarismo e sobrepeso.

Se mexer é preciso!
Dentre as formas de prevenção, existem exercícios bem simples que podem ser feitos sentados e na tranquilidade do lar ou até na poltrona de um ônibus ou avião. Vamos aprender!

Círculos com o tornozelo: erga seus pés e use-os para desenhar círculos no ar com os dedos esticados. Gire um pé durante 30 segundos alternando entre sentidos horário e anti-horário, e depois faça o mesmo com o outro.

Bombeamentos: com os calcanhares no chão erga as pontas dos pés e aponte-as para o alto o máximo que conseguir. Depois coloque todo o pé no chão e repita o movimento, mas dessa vez deixando o peito do pé no chão e erguendo o calcanhar. Faça o exercício durante 30 segundos.

Marchando parado: faça movimentos de como se você estivesse marchando sem sair do lugar, firmando bem os pés no chão e contraindo os músculos das coxas. Repita por 30 segundos.

Abraço no joelho: erga o joelho esquerdo até o peito e puxe-o contra você mesmo. Segure a posição por 15 segundos e retorne a perna lentamente ao solo. Faça o movimento com a outra perna repita o exercício 10 vezes.

*Se algum desses exercícios causarem desconforto procure um médico.  Essa medida preventiva pode não ser indicada para todos, por isso é imprescindível que um profissional seja consultado.

Adaptado: boasaude.com, drauziovarella.com, revistavivasaude.com, wikipedia.com