Dormir pouco faz o cérebro envelhecer mais rápido

Dormir é fundamental para a saúde. De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Londres, na Inglaterra, dormir muito mais ou menos do que 6 a 8 horas por dia, pode envelhecer o cérebro em até 7 anos.

Esta pesquisa realizou um levantamento com 5.431 voluntários (3.972 homens e 1.459 mulheres), foram realizados testes para verificar o raciocínio, memória, vocabulário, fluência semântica, estado cognitivo global e fluência fonêmica.

dormir

Fonte: Freepik

Os cientistas verificaram que cerca de 7% a 8% das pessoas que dormiam muito, tiveram resultados piores em todos os testes cognitivos, com exceção da memória de curto prazo. Cerca de ¼ das mulheres e 18% dos homens que dormiram poucas horas, mostraram diminuição da capacidade de raciocínio e vocabulário.

Dormir pouco ou em excesso pode aumentar o risco de desenvolver deficiência mental em até 50%, de acordo com o California Pacific Medical Centre Research Institute, em São Francisco, nos Estados Unidos, que conclui que a quantidade e não a qualidade do sono, apresenta uma relação direta com o declínio cognitivo das pessoas.

A pesquisa chegou a um resultado: o ideal para homens seria dormir entre 6 a 8 horas e para as mulheres, cerca de 7 horas.

Dormir bem ajuda a ter mais qualidade de vida.

Fontes: Terra, Minha Vida e O Globo

Notícias mais lidas

Leia Também