Cresce o número de idosos que estão voltando ao mercado de trabalho

A participação de idosos no mercado de trabalho subiu em relação ao ano passado, de acordo com o IBGE.

idosos1

Foto: Creative Commons / Flickr – Prefeitura de Olinda

Uma pesquisa do IBGE mostrou que no segundo trimestre desse ano 1,7 milhões de pessoas passaram a trabalhar e 502 mil delas têm 60 anos ou mais. Entre abril e junho do ano, mais de 6 milhões de idosos em todo o Brasil estavam em atividade, o que é um registro recorde.

De acordo com o economista Rodrigo Leandro de Moura, do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV), a tendência é que o idoso aumente sua participação enquanto a economia estiver ruim. Isso vai continuar adicionando pessoas ao mercado de trabalho.

A sociedade brasileira naturalmente está envelhecendo, e o ritmo de crescimento da força de trabalho tende a ser maior entre os idosos do que os mais jovens. Essa maior participação do mercado de trabalho por parte dos idosos também mostra que mais pessoas na faixa etária dos 60 anos estão procurando emprego, e muito dessa influência vem da economia também.

O lado bom é que o Brasil precisa de mais pessoas trabalhando para continuar a crescer, mesmo que o brasileiro ainda costuma se aposentar muito cedo.

E você, o que acha disso? Acha que os mais velhos devem se aposentar o mais cedo possível ou continuar a trabalhar? Comente. 😉

Adaptado: Estadão.